Ricardo Lewandowski vai receber grupo que faz greve de fome por Lula

0
74

ministro Ricardo Lewandowski vai receber em seu gabinete o grupo de sete militantes petistas que afirmam estar em greve de fome em protesto à prisão do seu líder em Curitiba (PR). O encontro ocorrerá na tarde desta quinta-feira (9) durante o intervalo da sessão da Corte.

Caso a sessão transcorra sem interrupções, Lewandowski vai buscar outra data em sua agenda para recepcionar o grupo. Ele foi o único dos 11 ministros a aceitar a conversa, cujo tema será um apelo para que o Supremo analise as ações que tratam de prisão após condenação em segunda instância.

De acordo com os próprios manifestantes, a greve de fome está no décimo dia. Eles fazem parte de grupos como o MTST (sem teto) e o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST).

Os manifestantes são monitorados por um médico e mantêm encontros com alguns parlamentares, como o líder do PT na Câmara, o deputado Paulo Pimenta (RS). “A greve de fome é ato extremo, mas que historicamente tem sido ferramenta de luta utilizada em momentos muito críticos”, disse o petista.