Prefeito de Autazes é acusado de ineficiente e de constranger moradores do município

0
528

Em 2016, em plena campanha eleitoral para prefeitura de Autazes, o então candidato Andresson Cavalcante dizia, enfático, que a população da cidade não podia mais conviver com tanta poeira, com tanta lama.  Dizia,  também, conforme pode ser comprovado nas imagens de vídeo gravadas pela assessoria de campanha do candidato, que no seu governo compraria uma mini-usina de asfalto para resolver o problema.

Até o momento, entretanto, ou seja, um ano e três meses depois, nenhuma usina de asfalto foi adquirida, conforme prometera o candidato. Ao contrário do que prometera, segundo um morador do município (ver vídeo), Autazes continua com os mesmos buracos.

“Pra aqueles que não sabem, ele (Andresson) me processou alegando eu ser o fake no Facebook. O fake que espalhava verdades sobre ele. Esse fake não era eu. O prefeito de Autazes não deveria processar ninguém, daqui, desse município. É o povo que deveria processá-lo por ter deixado a cidade como está, no lixo, na lama, no buraco”,desabafa.

O prefeito foi procurado pelo telefone 9225-84.., mas celular estava desligado ou fora de área .

Veja os vídeos

Não dá mais pra conviver com ruas esburacadas como essa, não dá pra conviver com tanta poeira, com tanta lama. Autazes precisa avançar. No nosso governo vai comprar uma mini-usina de asfalto pra que a gente resolva de uma vez por todas o problema de asfalto dessa cidade. Trazendo pra cá calçada, meio fio, garantindo o acesso de ir e vir de todos os moradores de Autazes. Nós vamos resolver esse problema. É comproisso meu, pra Autazes avançar. 

Olá povo de Autazes. Eu nunca expus, isso publicamente, que é sobre o constrangimento
que o atual prefeito dessa cidade, desse município, fez. Principalmente a minha mãe passar. Pra aqueles que não sabem, ele me processou alegando eu ser o fake no Facebook. O fake que espalhava é…. verdades sobre ele. Esse fake não era eu. Mesmo assim, ele foi lá, sem prova nenhuma e me processou. E o que isso acarretou: a justiça veio bater, aqui, na porta de casa, não na minha porta, mas na porta da casa de minha mãe. Um oficial de justiça acompanhado de um policial, armado, armado, atrás de mim, atrás de seu filho. O que será que essa mãe passou nesse momento, vendo um oficial de justiça, acompanhado da policial atrás de um filho onde nunca tive problema com a justiça. Meu nome é limpo, nunca frequentei uma delegacia. Enfim…Esse cara, prefeito de Autazes, me processou por algo que não fiz. O processo está rolando e eu sei que essa vitória é minha e esse jogo vai virar. Mas o que eu quero falar é que você, prefeito de Autazes, não é pra você está processando, ninguém, daqui desse município. É o povo que tem que lhe processar, por você ter deixado, está deixando a cidade como está, no lixo, na lama, no buraco. Você, você é que devia ser processado pela população de Autazes por não fazer nada e deixar o município como está hoje, totalmente acabado, totalmente acabado. Enfim…