Mulher foi estrangulada três vezes mais escapou

0
230

O delegado assistente da Divisão de Homicídios da Baixada, Marcelo Machado, disse na manhã desta sexta-feira, que está aguardando mais testemunhas para confirmar os relatos contados pelo serial killer, Sailson José das Graças, de 26 anos.

Ele faz o apelo para que uma mulher que ele tentou estrangular por três vezes, mas que sobreviveu, compareça à delegacia para prestar depoimento e confirmar a história contada contada pelo criminoso.

Em depoimento, Sailson disse à policia que tentou estrangular essa mulher por três vezes, mas que ela sobreviveu e ele desistiu de matá-la.

O delegado acrescentou que sete homicídios confessados por Sailson já foram confirmados, quatro deles seriam mortes encomendadas e outros três de mulheres que ele alega alega ter matado por prazer.

– A riqueza de detalhes com que ele confessou e relatou as cenas dos crimes estão de acordo com os laudos de local feitos pela perícia – explicou o delegado Marcelo Machado.

Sailson deve ser transferido para um presidio ainda não divulgado.