Marido enciumado mata mulher grávida à tiro; ele desconfiava que não era o pai da criança

0
244

Robson da Silva Nascimento, 24, foi preso, quinta-feira, 11, acusado de  matar à tiro Jaciquele Araújo Pereira, 28, que estava grávida dele. Robson era casado com a vítima.

O tiro que atingiu o peito da grávida. Ela foi socorrida e levada para o   Hospital e Pronto Socorro Dr. João Lúcio Pereira, mas não resistiu e morreu.

Robson Nascimento confessou o crime e disse que matou a mulher por movido por forte ciúme. Conforme declarou à polícia, ele suspeitava que o filho que Jaciquele esperava não fosse dele.

O acusado foi autuado pelo crime de feminicídio no 15º Distrito Integrado de Polícia e ainda na tarde desta sexta-feira seria conduzido ao Fórum Ministro Henoch Reis para a audiência de custódia.

O corpo de Jaciquele foi liberado durante a madrugada desta sexta-feira e levado para a casa de famílias para ser realizado o velório que foi marcado por muita comoção e a família sempre cobrando Justiça com punição à altura da lei para o assassino.