General Heleno ironiza Papa por receber Lula

0
26

Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, mostrou, nesta sexta-feira (14), que o recalque pelo encontro entre o Papa Francisco e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua sendo a tendência do momento na base governista.

Através do seu Twitter, o general da reserva enviou uma mensagem direcionada ao sumo pontífice: “Parabéns ao Papa Francisco pelo gesto de compaixão. Ele recebeu Lula, no Vaticano. Confraternizar com um criminoso, condenado, em 2ª instância, a mais de 29 anos de prisão, não chega a ser comovente, mas é um exemplo de solidariedade a malfeitores, tão a gosto dos esquerdistas”.

General Heleno

@gen_heleno

Parabéns ao Papa Francisco pelo gesto de compaixão. Ele recebeu Lula, no Vaticano. Confraternizar com um criminoso, condenado, em 2ª instância, a mais de 29 anos de prisão, não chega a ser comovente, mas é um exemplo de solidariedade a malfeitores, tão a gosto dos esquerdistas.

Ainda ontem, Carla ZambelliLuiz Phillipe de Orléans e Bragança e muitas outras figuras da bancada bolsonarista no Congresso também destilaram seu ressentimento, horas depois de as imagens do encontro entre Lula e o Papa ganharem repercussão mundial.

Além disso, o próprio presidente Jair Bolsonaro não perdeu a chance de fazer um comentário atacando o Papa, contrariado por seu encontro com Lula.

Lula e Francisco tiveram uma conversa de cerca de uma hora, no Vaticano, após a qual o Papa abençoou o líder do PT. Após deixar a Santa Sé, o ex-presidente brasileiro afirmou que “volto ao Brasil com a mesma disposição do Papa para brigar por um mundo melhor”.