“Eu como mais couve do que esse pessoal fuma maconha”, diz Weintraub sobre “plantação extensiva” nas universidades

0
29

FORUM – Em declaração à Comissão de Educação da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (11), o ministro da Educação, Abraham Weintraub, voltou a insistir na existência de “plantações extensivas” de maconha em universidades federais. Ele ainda comparou tal conspiração ao jardim de sua casa, onde diz plantar couve para consumo da família.

“Eu nunca plantei maconha e nunca consumi maconha, mas tive na minha infância contato com a roça”, iniciou. “Eu, particularmente, na minha casa planto couve. Quantos pés de couve tem na minha casa? Seis? É uma ‘plantaçãozinha’ de couve. Eu imagino que eu coma mais couve do que esse pessoal fuma maconha”, contou.

No início de sua fala, o ministro também mostrou reportagens sensacionalistas sobre 16 pés de maconha apreendidos em uma área de matagal da Universidade de Brasília (UnB). A quantidade da planta difere drasticamente do número inicialmente alarmado por Weintraub, algo que foi relembrado pelo deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ).

Após bate boca, o deputado se retirou da comissão no momento em que Weintraub passou a exibir uma reportagem antiga do Cidade Alerta sobre a apreensão dos pés de maconha na universidade. “Se a pauta vai ser exclusivamente esta diante de tudo que está se passando de crise nas universidades, é um desrespeito profundo à educação, e vou me retirar”, disse o deputado. “É um insulto aos educadores”, completou.