Em Fonte Boa, homem estupra, mata e esconde corpo de menina embaixo da cama

0
68

Pra uma cidade que segundo o IBGE, tem uma estimativa de 2019 de 17.609 pessoas, um crime como esse deixa todos alarmados, pois ninguém espera que aconteça barbaridades. No município de Fonte Boa, distante 677 km da capital do estado, aconteceu na quinta-feira (16) a morte da menina Elcliane Nascimento Duarte, de 10 anos. Ela foi estuprada, morta e deixada embaixo da cama do suspeito, Ronald Gomes Borges, 28 anos.

Segundo a Rádio Clube de Fonte Boa, o relato dos familiares diz que a criança foi encontrada por volta das 19h. O homem que confessou o crime, tem 28 anos e atuava como vendedor ambulante na cidade e confessou o crime para sua esposa, ao pedir ajuda dela para enterrar o corpo no quintal da casa do casal.

As primeiras informações são de que o vendedor morava próximo a casa da menina no Bairro Belarmino Lins, e que os familiares sentiram falta da jovem desde as 11 horas da manhã da quinta-feira (16). Mas como se tratava de uma família grande, a preocupação não veio de imediato ao pensarem que ela estivesse na casa de um dos seus irmãos.

De acordo com o investigador Mário Alves, a menina costumava ir à casa de Ronald para ajudar a fazer bolos e biscoitos com a companheira dele, para vender na cidade. No dia do crime, a menina estava com o infrator na residência, momento em que o mesmo a levou para um quarto e ofereceu R$ 40 para que ela mantivesse relação sexual com ele. Na ocasião, a vítima não aceitou e tentou fugir, então o homem a pegou pelo braço e a estuprou.

Após procurarem Elcliane em vários lugares, os familiares foram chamados pela esposa do suspeito que disse que o mesmo havia confessado o crime o fugido da casa. Testemunhas disseram que o suspeito ainda foi visto vendendo lanche pelas ruas da cidade e que depois ainda foi jogar bola em um campo do bairro.

A polícia foi acionada e o corpo da menina apresentava sinais de estrangulamento. Horas depois encontraram o suspeito do crime em uma estrada da cidade, ele foi levado para a Delegacia, onde teve a prisão decretada. Para a polícia, ele relatou que tentou ter relações com a vítima, mas após ela negar, ele a forçou e a estrangulou.

O crime revoltou a população Fonteboense, que foi pra frente da delegacia protestar, muitos ainda tentaram invadir a delegacia e linchar o acusado, que se encontra preso no 55° Distrito Policial de Fonte Boa.

De acordo com fontes do Fato Amazônico, Robson já possui passagem pela polícia e acusação de estuprar uma adolescente de 15 anos em 2017.