‘Culpa não foi minha dessa vez’, diz Carlos Bolsonaro após saída de Levy

0
124

PODER 360 – Carlos Bolsonaro, filho 02 do presidente Jair Bolsonaro, alfinetou os opositores por meio de sua conta no Twitter neste sábado após o presidente do BNDES, Joaquim Levy, apresentar carta com pedido de demissão.

Na postagem, a notícia da ameaça de Bolsonaro a Levy e sua consequente saída do governo, acompanhada da frase: “A culpa não foi minha dessa vez, cambada de fdp?”.

General Santos Cruz foi demitido da Secretaria de Governo nesta semana por Jair Bolsonaro. Um dos motivos ventilados para sua demissão foram os atritos que teve com Carlos Bolsonaro e o escritor Olavo de Carvalho, guru do presidente.

FINAL DE SEMANA DE DEMISSÕES NO BNDES

O presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Joaquim Levy, entregou pedido de demissão a Paulo Guedes neste domingo (16.jun.2019). “Solicitei ao ministro da Economia, Paulo Guedes, meu desligamento do BNDES. Minha expectativa é que ele aceda”, escreveu.

A atitude foi tomada após o presidente Jair Bolsonaro dizer, no último sábado (15.jun), estar “por aqui” com o presidente do banco. Bolsonaro também afirmou que Levy estava “com a cabeça a prêmio”.

Na ocasião, declarou que o presidente do BNDES teria que demitir Marcos Barbosa Pinto, diretor de Mercado de Capitais do banco, por ter atuado como chefe de gabinete de Demian Fiocca na presidência do BNDES (2006-2007) durante o governo do PT. Horas depois da declaração de Bolsonaro, Marcos Pinto pediu demissão do cargo.