Bolsonaro posiciona atiradores de elite em inauguração de aeroporto na Bahia

0
69

247 – Após determinar a instalação de tapumes para bloquear o acesso da população à inauguração do novo aeroporto de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia (leia no Brasil 247), o Governo Federal posicionou atiradores de elite no teto no do aeroporto Glauber Rocha, que será inaugurado nesta terça-feira, 23, com a presença do presidente Jair Bolsonaro.

Uma das razões alegadas pelo governo Bolsonaro para fazer uso do aparato de segurança está nos protestos anunciados pelos movimento populares, em razão do desmonte das políticas sociais e dos ataques feitos por Bolsonaro aos nordestinos nos últimos dias.  Além dos atiradores de elite, o Exército faz o patrulhamento no local e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realiza blitzes na estrada que dá acesso ao terminal.

Nesta linha, Bolsonaro usou as redes sociais para justificar o uso do aparato das forças federais para “garantir a nossa segurança” , alegando que o governador Rui Costa (PT) não autorizou o uso da Polícia Militar para esta finalidade (leia no Brasil 247).

A tentativa de Bolsonaro em inverter a situação provocou uma reação dura por parte do governador. “Não posso colocar a Polícia Militar para espancar o povo baiano que quer conhecer o novo aeroporto. Quem é impopular e tem medo de ir às ruas, fica em seu gabinete. Se o evento é exclusivamente federal, as forças federais que cuidem da segurança do presidente”, disse Rui Costa em entrevista à Rádio Metrópole (leia no Brasil 247).

Nesta segunda-feira (22), a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) proibiu o pouso do avião do governador do Estado no terminal aeroportuário soba a legação de que a pista está em fase de testes e ainda estará molhada no momento da inauguração. (Leia no Brasil 247)